Quando ela chega lá… #2 [Curiosidades sobre o orgasmo feminino]

Hoje chegamos à segunda fase da nossa série de curiosidades sobre o orgasmo feminino “Quando ela chega lá…”!

No artigo anterior desta série eu falei sobre aquele velho amigo da mulherada chamado “salto alto”, que agora se revelou ser, além de peça de vestuário sofisticado e sexy, uma arma auxiliadora na sexualidade feminina, podendo ajuda-las a melhor os seus orgasmos fortificando os músculos da pélvis a utilizar o dito-cujo. Confira no link abaixo:

Hoje nós vamos falar sobre um assunto meio polêmico em discussões masculinas em mesa de bar…

Você sabe o tempo ideal das preliminares?

Você já deve ter tido essa discussão tantas vezes quanto eu na mesa de um bar, alguns dizem que as preliminares muitas vezes devem ser até mais longas do que o ato sexual em si, outros dizem que elas não devem ultrapassar um tempo limite e alguns reacionários dizem que não praticam a técnica milenar de estimular sua companheira para tornar o ato sexual mais prazeroso.

Bom, o fato é que alguns pesquisadores, terapeutas do sexo e educadores sexuais afirmam que as preliminares, que devem durar entre 10 – 15 minutos são de suma importância para o ato sexual bem sucedido, já que são elas que permitem que a mulher fique lubrificada e excitada o bastante para uma penetração de sucesso.

Por outro lado, existem pesquisadores que afirmam que as preliminares não são tão importantes assim e, afirmam que, a duração e qualidade da relação em si são mais importantes para o orgasmo do que as preliminares.

Para concluir devemos considerar que:

Existem pesquisas feitas com mulheres da República Tcheca de diversas idades, suas vidas sexuais concluem que as preliminares costumam durar entre 15 – 17 minutos, conclusão completamente diferente da pesquisa feita da mesma forma nos E.U.A., que afirma que as preliminares lá costumam levar em média 7 minutos.

A conclusão sobre este mistério das preliminares é que o mais importante é a comunicação com sua parceira, que ela se conheça em primeiro lugar, para que se possa ter sexo satisfatório para ambas as partes. Por fim, sou a favor em usar o tempo de 10 – 15 minutos (sempre deu certo) 😉

TOP TRÊS: QUANDO ELA CHEGA LÁ… #2

  • Em primeiro lugar fica o fato de a idade influenciar o orgasmo feminino, estudos apontam que mulheres acima dos 50 anos de idade têm maiores dificuldades para chegar lá.
  • Em segundo lugar fica o fato de que se as mulheres tiverem os pés aquecidos durante a relação sexual pode acarretar no aumento do prazer (nunca mais reclamarei das meias).
  • E em terceiro lugar, e mais uma vez não menos importante, fica o fato de que pesquisas indicam que a camisinha não afeta os orgasmos, não existe mais desculpa para não se proteger.

Até a próxima postagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *