Aprenda como retardar a ejaculação e seja o melhor cara com quem ela já transou

Aprenda como retardar a ejaculação e seja o melhor cara com quem ela já transou
5 (100%) 1 vote

De acordo com uma pesquisa realizada pela universidade de Utrecht, nos Países Baixos, a duração média do sexo entre os casais é de 5,4 minutos. Pode ser que nesse tempo você até consiga ter um orgasmo, mas sua parceira com certeza não. A solução então é aprender como retardar a ejaculação.

Homens e mulheres tem um timing diferente na cama, e já estamos canados de saber disso. Portanto, é preciso que haja um esforço por parte dos caras para durar um pouco mais no sexo.

As estatísticas afirmam que 30% da população masculina sofre com ejaculação precoce. Nesse caso, definimos ejaculação precoce como uma disfunção sexual. Mas dos 70% que sobraram, a grande maioria ainda assim não sabe como retardar a ejaculação.

Isso mesmo, o controle voluntário da ejaculação é coisa para um grupo bem seleto de homens. E esses caras tem uma vantagem: eles conseguem fazer suas parceiras terem três, quatro, cinco orgasmos e continuam ali, firmes e fortes.

Além disso, mesmo que eles gozem, o período refratário (tempo até conseguir uma nova ereção) deles é bem menor. Ou seja, logo eles estão prontos para recomeçar a brincadeira. Esse é o sonho de todo cara e também de toda mulher.

E você pode achar que controlar a ejaculação é uma coisa difícil, mas a verdade é que isso é mais fácil do que você imagina.

Como retardar a ejaculação de forma 100% natural

Aprender a controlar a ejaculação não é uma tarefa difícil, mas exige disciplina. Os exercícios são simples e fáceis de fazer, mas se não houver frequência, de nada eles vão adiantar.

Existe hoje, no mercado e a disposição para qualquer um, camisinhas e géis que ajudam a retardar a ejaculação. São meios eficientes e que realmente funcionam, mas não passam de soluções momentâneas.

Pegando o caso do gel retardante como exemplo, imagine toda vez que você for fazer sexo ter que usar o gel. Além de correr o risco de perder o clima porque você tem que parar e passar o gel no pênis, há também o custo financeiro dessa solução.

E por isso que quando você aprende a ter o controle de forma voluntária, você se torna um homem mais realizado. Você pode controlar sempre, sem precisar se preocupar em interromper o momento, sem depender de nada e nem ninguém, só de você e da sua vontade.

O controle absoluto da ejaculação depende de um equilíbrio físico, mental e emocional. Apenas essas três bases alinhadas são suficientes para que você aprenda a retardar a ejaculação de forma eficaz e definitiva.

Para entender melhor o que são essas três bases, temos uma apresentação gratuita em vídeo. Para assistir, clique aqui.

retardar a ejaculação

Depois de entender o que são essas três bases e como funciona esse equilíbrio, você está pronto para começar a praticar os exercícios de controle.

5 Exercícios para o controle definitivo da ejaculação

Todo homem pode aprender a controlar a ejaculação. Não importa a idade, não importa se tem ejaculação precoce ou se simplesmente quer durar mais tempo na cama. Ao aprender a retardar a ejaculação você tem mais prazer no sexo com a sua parceira e é capaz de satisfazê-la plenamente.

Não há necessidade de ter preparo físico para começar a fazer os exercícios. O único requisito, como falei, é ter compromisso e frequência na prática dos exercícios. Com isso, logo nas primeiras semanas você será capaz de notar uma melhora no seu tempo de controle, e sua parceira também.

#1 Exercício de masturbação

Esse exercício tem como principal objetivo controlar a sensibilidade peniana. Ele também permite que você conheça melhor o seu corpo, sendo capaz de identificar o momento que você está prestes a ejacular.

Para realizar esse exercício, masturbe-se de forma normal e quando sentir que está quase lá, relaxe e respire fundo. Aguarde alguns segundos e repita o processo.

Faça esse exercício de duas a três vezes na semana.

#2 Exercício de respiração

Respirar corretamente é essencial para retardar a ejaculação.

Quando vocês está perto de ejacular e ter um orgasmo, seus batimentos cardíacos aceleram. Nessa hora, controlar a respiração ajuda a acalmar o pulso e a segurar a ejaculação. Então, ao fazer sexo com sua parceira, procure respirar de forma profunda e relaxada.

#3 Exercícios mentais

Ansiedade é um dos fatores que mais atrapalha os homens a retardar a ejaculação. Portanto, tente controlar seus pensamentos e sua mente.

Quando estiver fazendo sexo, afaste da sua cabeça pensamentos como “eu não vou aguentar”, “de novo essa história”, ou “o que ela vai pensar de mim”. Esse tipo de coisa só vai aumentar ainda mais a sua ansiedade e seus níveis de estresse.

retardar a ejaculação

Ao invés disso, procure relaxar e controlar a respiração, como ensinado no exercício anterior.

#4 Exercícios do músculo PC

Esse é o exercício mais comum praticado por quem busca o controle absoluto.

Também conhecido como músculo pubococcígeo, o músculo PC está diretamente ligado à ejaculação. Portanto, ao fortalecer esse músculo e ter consciência de sua existência, retardar a ejaculação se torna uma tarefa fácil.

Para identificar esse músculo no seu corpo, quando for ao banheiro urinar, interrompa o fluxo do xixi e em seguida relaxe. Depois, é só imitar essa contração em qualquer lugar, sem necessariamente estar urinando.

Esse exercício é muito importante, então, não deixe de praticá-lo. Para começar, faça 3 séries de 20 contrações, com intervalo de 30 segundos entre uma série e outra, 3 vezes ao dia.

Conforme você for adquirindo prática, aumente para 30 contrações e depois para 50.

Ao praticar esse exercício, em aproximadamente 4 semanas você e sua parceira serão capazes de notar uma grande diferença no seu controle.

#5 Exercícios de ereção

Tanto a ereção quanto a ejaculação dependem diretamente da pressão arterial e do fluxo sanguíneo. Portanto, ao realizar esse exercício você não só será capaz de retardar a ejaculação, mas também terá ereções mais firmes e duradouras.

Esse também é um exercício bem simples, mas que exige frequência e comprometimento em sua execução.

Primeiro, masturbe-se apenas até conseguir uma ereção. Em seguida, coloque uma toalha de rosto ao redor do seu pênis, tente erguê-la em direção ao seu abdômen e depois relaxe. Faça 3 séries de 20 dessas “flexões” penianas, com intervalo de 1 minuto entre cada série.

Conforme você for adquirindo força e controle, use uma toalha mais pesada ou até mesmo a toalha molhada. Como falei, isso vai aumentar a circulação sanguínea no seu pênis, melhorando a qualidade das suas ereções e ajudando no controle da ejaculação.

Bônus: outras formas de retardar a ejaculação

Sabemos que muito dos nossos hábitos e estilo e vida influenciam diretamente na nossa performance sexual. Portanto, retardar a ejaculação de forma definitiva através das técnicas de controle envolve um pouco mais além dos exercícios que ensinei aqui.

retardar a ejaculação

Ter uma alimentação equilibrada, praticar atividade física e ter hábitos mais saudáveis contribuem (e muito) para um melhor desempenho sexual. É necessário um equilíbrio entre o lado físico, mental e emocional.

Portanto, temos mais algumas dicas para te ajudar a retardar a ejaculação:

Alimentação

  • Coma mais frutas e verduras;
  • Evite alimentos processados;
  • Evite frituras e junk food;
  • Dê preferência a carnes magras;
  • Coma mais peixe;
  • Consuma alimentos ricos em zinco, magnésio e vitaminas;
  • Opte por suplementos naturais.

Atividade física

  • Pratique exercício físico pelo menor 3 vezes na semana;
  • Controle seu peso;
  • Faça atividades ao ar livre;
  • Mantenha os níveis de testosterona equilibrados.

Tenha hábitos saudáveis

  • Diminua seus níveis de estresse;
  • Evite bebidas alcoólicas, cigarros e outras drogas;
  • Faça check-ups regularmente;
  • Tenha boas noites de sono.

Em resumo, há diversas coisas que influenciam o desempenho sexual, por isso é tão importante ter equilíbrio. De nada adianta você fazer os exercícios que passamos aqui e seu lado emocional estiver desequilibrado. Todos os três pilares (físico, mental e emocional) devem ser trabalhados.

É isso que é explicado no vídeo que falei no começo (clique aqui se você ainda não assistiu à apresentação).

Ficou alguma dúvida? Sinta-se a vontade para entrar em contato com a gente pelo e-mail [email protected].

Um abraço e até a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *