Descubra como aumentar a testosterona sem anabolizantes

Descubra como aumentar a testosterona sem anabolizantes
5 (100%) 5 votes

A testosterona é um dos principais hormônios para o organismo masculino. Ele auxilia, dentre outras coisas, no crescimento muscular, na disposição física e na potência masculina. Nada mal, não é mesmo? Por isso é tão importante saber como aumentar a testosterona. Pois assim é possível ter mais energia no dia a dia, aumentar a massa muscular e ainda melhorar o desempenho na cama.

Então confira a sequência de dicas do Macho em Série sobre como aumentar a testosterona, e o melhor: de forma totalmente natural!

Para que serve a testosterona?

A produção de testosterona é controlada pela ação de outros hormônios produzidos pela hipófise e pelo hipotálamo (localizados no cérebro). Nos homens o hormônio é sintetizado nos testículos e sua concentração é até quinze vezes maior que nas mulheres.

O hormônio desempenha diversas funções no corpo masculino. Por isso, quando os níveis do hormônio estão baixos no homem as consequências são múltiplas. Por outro lado, quando se aumenta a testosterona potencializa-se todas as ações que esse hormônio promove no organismo. Então vamos conferir algumas:

Maturidade sexual

A testosterona é responsável pelo crescimento de pelos no corpo, pelo engrossamento da voz na adolescência, além do desenvolvimento sexual. Também exerce influência na fertilidade e na excitação sexual. Por isso, quanto maior a concentração do hormônio (dentro dos padrões saudáveis) mais frequentes e fortes são as ereções.

Síntese proteica

A testosterona promove a síntese proteica e por isso é um anabolizante. Essas proteínas são usadas, entre outras coisas, para a criação de massa muscular.

Aparência e desempenho físico

A testosterona é responsável pelo crescimento e manutenção da musculatura e o controle da proporção de músculos e gordura. Então quando a concentração do hormônio é maior, existe redução do tecido gorduroso e aumento muscular.

Benefícios do aumento da testosterona

Ao se aumentar a testosterona vários efeitos são percebidos no corpo. O homem tem maior sensação de confiança e autoestima assim como sua mente fica mais afiada. A melhora do humor e da disposição também são perceptíveis bem como o aumento do desejo sexual.

O desempenho na cama também melhora conforme se fortalecem as ereções. E, por fim, na saúde física o homem obtém maior qualidade óssea, cardíaca e muscular.

Sinais de quando a testosterona está baixa

A melhor maneira de saber se sua testosterona está baixa e como aumentar a testosterona é analisar os sintomas.

Portanto, atenção aos sinais da baixa testosterona:

  • Baixo crescimento de pelos no corpo
  • Dificuldades para dormir
  • Distúrbios no sono
  • Cansaço e indisposição
  • Dores nas articulações
  • Perda da força e de massa muscular
  • Aumento do peso
  • Aumento da gordura corporal
  • Dificuldade em ganhar massa muscular
  • Perda de massa óssea ou osteoporose
  • Risco de diabetes
  • Disfunções sexuais
  • Impotência sexual
  • Baixo apetite sexual
  • Desempenho sexual insatisfatório
  • Atrofia dos testículos
  • Stress elevado
  • Falta de energia
  • Fadiga
  • Baixa autoestima
  • Depressão
  • Dificuldade de memória
  • Cansaço excessivo
  • Pensamento confuso ou falta de memória
  • Alterações bruscas no humor
  • Diminuição do volume do sêmen

Sobre esse último sintoma, assista ao vídeo do Davi Ribeiro que ensina a aumentar o volume do esperma na hora da ejaculação:

Qual o nível ideal de testosterona?

A quantidade de testosterona varia de acordo com a idade. Entre os 15 e 18 anos a concentração pode chegar a 1200 nanogramas (ng) por decilitro de sangue.

A partir dos 19 anos a variação normal dos níveis de testosterona está entre 300 a 950 nanogramas (ng) por decilitro de sangue.

Uma vez que o homem completa 25 anos as taxas de testosterona começam a diminuir gradativamente numa taxa de 1% ao ano. E o estilo de vida moderno ainda agrava esse quadro de queda de testosterona pois dificulta a produção do hormônio.

Então é melhor já começar a mudar alguns hábitos para entender como aumentar a testosterona. Falando nisso…

Como aumentar a testosterona com hábitos simples

A primeira coisa a se fazer quando o assunto é como aumentar a testosterona é apostar em formas naturais. Ou seja, mudança de hábitos alimentares e prática de exercícios, por exemplo.

Isso porque os anabolizantes para ganho de massa muscular e até mesmo a reposição artificial de testosterona são extremamente prejudiciais para a saúde. Podendo levar a danos no fígado, no coração, na capacidade de ereção e na fertilidade.

Então conheça as melhores formas de como aumentar a testosterona naturalmente:

#1 – Alimentação balanceada

Alguns alimentos contêm vitaminas e minerais necessários para a produção de testosterona no organismo. Entre eles estão:

Zinco

Presente em ostras, fígado, feijão, castanha e sementes de girassol, por exemplo.

Vitamina D

Encontrada em alimentos como: salmão, atum, sardinha ou ovo. Além disso, também é importante se expor ao sol diariamente, antes das 11h e depois das 16h, durante pelo menos 1 hora.

Vitamina A

Presente em alimentos como: manga, mamão, frutas cítricas, espinafre, leite, tomate e óleo de peixe, por exemplo.

Também se deve diminuir o consumo de açúcar, soja, cafeína, álcool e tabaco porque podem levar à redução da quantidade de testosterona.

Leia mais: Dieta low carb faz emagrecer: Mito ou verdade? Descubra!

Suplementos alimentares são confiáveis?

Sim. Porque ao contrário dos anabolizantes que injetam o hormônio diretamente na corrente sanguínea, os suplementos alimentares dão ao corpo o material necessário para produzir mais testosterona naturalmente. Assim, o homem não é prejudicado com nenhum tipo de efeito colateral.

Além disso, alguns suplementos alimentares também agem na reposição de nutrientes, o que melhora o aproveitamento da testosterona no organismo.

Os resultados podem ser vistos numa maior energia e disposição bem como no aumento do desejo sexual, no fortalecimento das ereções e na qualidade do sexo.

Um exemplo de suplemento alimentar desse tipo é o Bullcaps. Ele possui em sua fórmula doses adequadas de todos os nutrientes que aceleram a produção de testosterona, além de elementos essenciais para o corpo e extrato seco de alimentos estimulantes sexuais.

Você pode acessar o site oficial do produto agora mesmo! Clique aqui ou no banner abaixo e aproveite todos os benefícios do aumento natural da testosterona.

como aumentar a testosterona

#2 – Praticar exercícios físicos

Especialmente o levantamento de peso que pode estimular a produção de testosterona para suprir esta demanda muscular. Então já pode fazer a ficha na academia do bairro! 

Mas se preferir você pode realizar em casa mesmo alguns exercícios específicos para aumentar a testosterona. Os Exercícios de Kegel, por exemplo, fortalecem os músculos do assoalho pélvico, fortalecem as ereções e aumentam os níveis de testosterona. Clique aqui ou na capa do livro digital para baixar grátis o nosso e-book.

como aumentar a testosterona

#3 – Dormir bem todos os dias

Dormir menos do que o necessário pode resultar em uma diminuição de até 10% nos seus níveis de testosterona.

Embora haja um senso comum de que todo ser humano precisa de oito horas seguidas de sono por noite, a verdade é que essa necessidade varia de pessoa para pessoa e dos esforços que você fez no dia anterior.

Assim, pode ser que em uma noite você precise de nove horas de sono após um dia cansativo e em outras noites você necessite de apenas seis horas.

E para garantir a qualidade do sono alguns hábitos são fundamentais: dormir em ambiente escuro, silencioso e com temperatura amena, não consumir cafeína antes de dormir, evitar luz no rosto e atividades muito agitadas.

#4 – Manter o peso adequado

Para evitar níveis de testosterona baixos você precisa manter o peso corporal adequado, apresentando IMC (índice de massa corporal) inferior a 29.

Aliás, você pode conferir o seu IMC agora mesmo:

Powered by YAZIO

#5 – Ser confiante e reduzir o stress

Uma pesquisa da Universidade de Harvard provou que quando assumimos posturas físicas confiantes por dois minutos isso causa um aumento de 20% nos níveis de testosterona e uma diminuição de 25% no hormônio do estresse (cortisol). Simples e efetivo!

Da mesma forma, evitar situações estressantes e viver a vida com mais leveza também reduz o cortisol e aumenta a testosterona.

Existem remédios caseiros para aumentar o hormônio?

Sim. A Maca peruana tem sido muito utilizada para equilibrar hormônios como a testosterona e a progesterona além de ser um alimento muito rico em vitaminas e sais minerais.

A raíz cultivada originalmente nos Andes é um bom remédio caseiro para aumentar a potência sexual e prolongar os períodos de ereção. Por isso é utilizada como um Viagra natural.

O alimento em pó pode ser incluído em sucos, shakes, sopas, entre outros. No caso dos sucos, opte por frutas cítricas, pois elas potencializam os benefícios da Maca Peruana. A dose geralmente indicada varia entre 500 a 3000 mg ao dia, o que corresponde a uma colher de café ou de chá.

Como pode ser difícil de se encontrar, existe também a versão concentrada em cápsulas que ainda possui outros ingredientes potencializadores do desempenho sexual. Para conhecer o produto, ver os relatos de quem já tomou e ter mais informações, clique aqui.

Recomendações

Não deixe de ir ao nutricionista para elaborar em conjunto uma dieta adequada às suas necessidades. E também não exagere no tratamento de testosterona pois o excesso do hormônio também causa prejuízos ao organismo.

Além disso, opte sempre pelas alternativas naturais como mudanças de hábitos alimentares, exercícios e suplementação alimentar. Assim você não vai ter dor de cabeça depois com os efeitos colaterais! Principalmente dos famosos anabolizantes e da reposição artificial de testosterona.

 

Por hoje é só. Conta para a gente aí nos comentários o que achou do artigo!

 

Até mais aqui no macho em Série!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *