5 dicas para terminar um relacionamento sem traumas

Todo mundo já passou por essa situação chata e desconfortável que é o término de um relacionamento. Muitas vezes, perceber o fim do namoro ou do casamento não é a parte mais difícil, mas sim dar o primeiro passo para comunicar a mulher de que tudo acabou.

Homens, literalmente, tremem na base nessa hora, por isso um preparo para tal ocasião deve ser feito.

Com tudo isso em mente, preparamos este artigo para te ajudar a se preparar corretamente na transmissão dessa notícia, triste e cheia de negação por parte dela, sem causar grandes traumas para ambos.

Confira agora 5 dicas para terminar um relacionamento sem traumas:

Seja sincero, mas nem tanto

A verdade deve ser dita, mas a sinceridade precisar ficar sobre perspectiva. Se o amor acabou, conte a ela sem muita delonga, sem nem pensar em inventar histórias e mentiras inconvenientes.

Essas mentiras um dia podem retornar a você como uma lição dura de vida, por isso não faça com ela o que não quer que façam contigo.

Mas a sinceridade termina aqui. Se o fim era inevitável, sua mulher certamente já notou alguns sinais e levantou suspeitas, imaginando um caso ou o sentimento por outra pessoa. Se ela estiver certa sobre um suposto affair, continue no caminho da sinceridade.

Por outro lado, se a realidade for apenas o amor por outra pessoa ainda não revelado, não há necessidade de jogar isso na cara de alguém que ainda te ama.

Escolha um local e momento adequados para terminar

É uma boa ficar atento às ocasiões e ambientes para ter “a conversa”. Claro que não dá para terminar com a garota em datas especiais como dia dos namorados e Natal. Obviamente, evite também o aniversário dela ou uma data próxima do dia em que uma pessoa especial a deixou.

É essencial se colocar no lugar da mulher e pensar nos melhores locais e dias para terminar com ela. De preferência, eleja um dia neutro, em que vocês não tenham nada programado, e em que ela não esteja muito ocupada e preocupada com estudos e trabalho, por exemplo.

Quanto ao lugar, é legal que a conversa aconteça em algum local reservado, evitando constrangimentos e intervenções externas.

Claro que, na verdade, não há circunstâncias ideais para se terminar um namoro (a situação é chata de todo modo). No entanto, faça de tudo para facilitar aquilo que pode ser facilitado, meu amigo!

Nunca diga “quero dar um tempo”

Essa expressão não existe em um relacionamento. “Dar um tempo” é o mesmo que terminar e não de uma maneira digna, pois nutre falsas esperanças. Uma das melhores maneiras de acabar um namoro é sendo direto, mas com educação e cordialidade.

Por mais que isso doa, dar voltas não resolverá nada. Vá direto ao assunto e dê à sua vida e à dela uma nova página sem enrolações.

Parta do princípio de que ninguém é culpado de nada

Estamos tratando aqui de términos, e não de crises de relacionamento que mais tarde podem ser superadas. Por isso, conversas do tipo “a culpa é sua” ou longas discussões sem necessidade atrás de responsáveis que, encontrados ou não, não mudarão a decisão já tomada, de nada adiantam e só tornam o momento mais tenso.

Seja superior e não sucumba a tentação de jogar na cara dela os motivos que fizeram o namoro terminar.

E se a mulher não aceita o fim?

Se seguir todas essas dicas, dificilmente algo dará errado, contudo, o sentimento humano às vezes é complicado de lidar e a mulher pode não aceitar o fim, mesmo com todo o tato do mundo na hora da conversa.

Caso ela se desespere e comece a chorar, deixe que ela chore e desabafe por um tempo. Depois, recomece a conversa e seja mais incisivo nos seus argumentos para o fim da relação. Se não funcionar e você tiver uma razão definida, mas que não queria revelar, talvez seja a hora de dizer tudo.

Caberá a você decidir, mas, infelizmente, dizer tudo, por mais doloroso que seja, pode ser a única forma de sair da conversa com um fim digno a um relacionamento que um dia foi bom, mas que tem que chegar ao final.

Não se esqueça de deixar um comentário e nos contar sua opinião sobre o assunto!